Resenha #3 - Escrito Sob Fogo e Sangue: A decisão - Adrieni Yassine

31 agosto 2015


Título: Escrito sob fogo e sangue: A decisão
Autor: Adrieni Yassine 
Editora: Novo século
Ano: 2013
Páginas: 200
Para saber mais: Skoob
Sinopse: ESCRITO SOB FOGO E SANGUE – A DECISÃO é uma viagem no tempo, em um futuro no qual o mundo é muito diferente do que conhecemos hoje. As histórias de amor e de luta são recheadas de magia, fogo e sangue. As raças expulsas, bruxas e magos iniciam seu retorno para o planeta azul. Elas se misturam, se amam e se odeiam. Afinal, viveram com os humanos. O equilíbrio está na superação individual, as diferenças são marcadas por Kir e Destroc, os pais do redentor, aquele que unirá as forças de todas as raças. Mas esta história teve seu início há muitos séculos. O passado e o futuro se misturam no inacreditável. A esperança dos humanos, o sangue que alimenta os vampiros, o impulso animal que protege os lobisomens e a magia e o fogo que orienta os magos e bruxas.


  Ganhei esse livro para fazer resenha para o Blog Sacudindo as Palavras. Nossa, que decepção! Achei o livro chato, só depois de muito sofrimento consegui acabar a leitura.

  Os humanos estão destruindo a Terra, sem cuidar do meio ambiente. Então  Lanah, a representante da Ordem do Universo, recruta quatro bruxas brancas e quatro elementais (que juntas formam o quinto elemento: amor) para a missão de ajudar os humanos. Mas, para isso, elas terão um determinado tempo (12 anos) e, ao longo dele, passarão por várias tarefas. A primeira delas é fazer com que Destroc, um mago muito poderoso que está agora do lado do mal e que comanda a terra, volte para o lado branco da magia.

  Além das missões, elas terão que ser fortes, pois encontrarão amores de vidas passadas. Como é o caso da nossa protagonista, a Bruxa Kir, que está destinada a ficar com Destroc, porém, somente após a libertação de Destroc do lado do mal. Só assim eles poderão ficar juntos para terem o filho da luz, o Redentor Luan, que representará a paz.

  Para que Destroc volte para o lado branco da magia, ele mesmo precisará ter a consciência de estar prejudicando o meio ambiente. Aí que acontece uma coisa que eu achei interessante, para não dizer hilária: os elementais preparam um banho para Destroc que, ao toma-lo, imediatamente fica bom. Não! Espera aí! Como uma pessoa que era da magia negra e estava dominando a terra, decide de uma hora para outra mudar todos os seus atos? Não vi a evolução do personagem. Na verdade, não percebi a evolução de nenhuma personagem, para dizer melhor, achei todas as personagens muito semelhantes.


  A narrativa é, às vezes, em primeira pessoa (Kir) e, às vezes, em segunda (Lanah). Mas não há uma regra, e muitas vezes me confundi com as narradoras.  Na historia são citados lobisomens e vampiros, mas até o final do livro eles não apareceram. Acredito que no próximo livro eles terão papel de maior importância (será uma trilogia).  No entanto, o que mais me incomodou foi a mistura de religiões! Achei que a história dos 10 mandamentos não combinou com bruxas e vampiros. Foi uma salada de frutas, quatro elementos, Deus, bruxas, Cristo. E para explicar as ligações de uma religião com a outra, a autora faz paradas na narrativa da história, para narrar outra história, assim, ligando uma coisa com a outra.

  Por favor, se você leu e gostou não brigue comigo, mas eu não gostei! Entendi a ideia, proteger o meio ambiente, exaltar o amor, reforçar o espírito de união. Cuidar do planeta é um tema legal, mas acho que a autora se perdeu ao juntar muitos elementos e coisas em uma história só. 




10 comentários

  1. Oiii. Tudo bem?

    Então gosto de gente que faz resenha e coloca realmente o que acha do livro se e bom ou ruim. Sinceramente não me atraiu tbm esse livro não faz nenhum pouco minha cara. E duvido muito ler algum dia. Mas mesmo assim, parabéns pela resenha.

    Beijos.
    Kah
    Booksandcarpediem.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá Letícia! Tudo bom? Não conhecia o livro, a sinopse parece ser confusa um pouco. A ideia em si parecer ser boa, mas talvez não tenha sido bem trabalhada. Legal você ter exposto sua opinião, sei como é ler um livro que a gente não curte. Parabéns pela resenha. Beijos!

    http://www.livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Tá, ok, fiquei chocada: sério que o cara fica bom com um banho? hein? Sinceramente, é demais pra mim, a sinopse e a capa já não tinham chamado a minha atenção, mas depois da sua resenha realmente não tenho nenhum interesse em conhecer a história, ainda mais se tratando de uma trilogia. Fora que parece mesmo uma salada e essa narração confusa ia me enlouquecer.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju
      Sim, com um banho!
      Não deu para mim!
      Bjus

      Excluir
  4. Oi, Letícia. A mensagem da história parece ser legal. Mas até eu me confundi com tantas coisas. (RISOS). TALVEZ, nos próximos livros, a autora consiga desembaraçar isso tudo e deixar a história mais coerente. Assim esperamos, não é?

    Http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vou ler o próximo, mas espero que a autora melhore!
      Bjus

      Excluir
  5. Olá, tudo bem?

    Já não leria pela capa, agora que terminei sua resenha que não leio mesmo. Odeio quando um autor decide que do nada um personagem vai mudar de personalidade sem fazer todo aquele processo gradativo. Isso para mim é a mais pura preguiça de elaborar a história. Tô fora.

    Abraços,
    Matheus Braga
    Vida de Leitor - http://vidadeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Oi pessoa leitora, fico muito feliz com sua visita. Não esqueça de deixar um comentário me contando o que achou do post e do blog!

Dicas e opiniões são sempre bem vindas!

Obrigada pela visita e volte SEMPRE!!