Lê Lendo Lido no Cinema - Orgulho, Preconceito e Zumbis

23 fevereiro 2016


Elenco: Lily James, Sam Riley, Matt Smith (IV), Bella Heathcote, Jack Huston, Douglas Booth, Emma Greenwell e Charles Dance
Direção: Burr Steers
Gênero: Terror, Ação, Comédia
Distribuidora: SONY PICTURES
Classificação: 12 anos
Estreia: 25 de Fevereiro de 2016
Duração: 1h47mim
Ingresso cedido pela Espaço/Z para cabine de imprensa.
Sinopse: Inglaterra, século XIX. Uma misteriosa praga espalha zumbis por todos lados, mas Elizabeth Bennet (Lily James), especialista em artes marciais e no manuseio de armas, está preparada para enfrentar os piores mortos-vivos. O que a incomoda de verdade é ter que conviver e lutar ao lado do arrogante Sr. Darcy (Sam Riley)


Sobre o filme

O filme, que chega aos cinemas brasileiros nesta quinta-feira, é baseado na obra de mesmo nome. Escrito por Seth Grahame-Smith, foi publicado no Brasil em 2009 pela editora intrínseca. Essa obra é claro é uma releitura do livro Orgulho e Preconceito de Jane Austen.

Tudo começou com a peste negra. A praga evoluiu, transformando as pessoas em mortas vivas.  Essa praga reduziu o número da população na Inglaterra. Mas, para que a pessoa se torne um Zumbi “completo”, precisa se alimentar de cérebro humano. Como prevenção à peste, o país decidiu cercar as fronteiras, assim, impedindo que a praga se alastrasse, ficando somente uma ponte como entrada. 

A família Bennet é uma típica família aristocrata inglesa do século XIX. Todas as cinco filhas foram treinadas, dominam as artes marciais na China e o manuseio de vários tipos de armas. Esse treinamento é essencial para os acontecimentos da época, visto que a qualquer momento pode acontecer um ataque zumbi.

Mesmo que sob constante ameaça, a sociedade mantém uma vida normal. Com a chegada do jovem solteiro e rico Sr. Bingley (Douglas Booth) à Netherfield, a Sr. Bennet vê uma oportunidade de casar uma de suas filhas. Mas ele não veio sozinho. Trouxe suas duas irmãs e seu melhor amigo o riquíssimo Sr. Darcy (Sam Riley), capitão do exercito inglês e especialista em caçar zumbis, que é o oposto de Bingley. É sério, fechado e orgulhoso. 

No baile da cidade, alguns acontecimentos darão o caminhar da historia. O 1º será com Bingley que já mostrará interesse por Jane (Bella heathcote), escolhendo-a para dançar duas vezes. O 2º será com Darcy, que esnobará Lizzy na hora da dança, criando, assim, uma inimizade entre eles. E o 3º Darcy “salva” Lizzie de uma Zumbie. 

O interesse de Bingley por Jane aumentará e o convívio entre Darcy e Lizzy será cada vez mais frequente. No meio de tudo isso, chega o primo Collins. Esse faz um pedido de casamento a Lizzy, que o rejeita, por acreditar no casamento por amor.

Quando o oficial George Wickham (Jack Houston) chega à cidade, as coisas, coincidentemente, começam a piorar no local. Além de Wickham defender a bandeira de que humanos e zumbis podem conviver pacificamente ele conserva uma inimizade com Darcy.  Isso influenciará Lizzie a ficar contra o capitulo. 

Mas algo está acontecendo. Zumbis começam a aparecer mais do normal na cidade. Com isso, Lizzie e Darcy não escapam e terão que juntos lutar para sobreviver e salvar aqueles que amam.



Minha opinião

Incrível como podemos ter uma releitura completamente inovadora e ao mesmo tempo conservadora. Digo conservadora porque todos os elementos mais importantes da obra de Jane austen estão presentes no filme. O longa traz nossos queridos Lizzie e Mr. Darcy tal como eles realmente são e mantém de maneira nada sutil as críticas abordadas no romance original.

Lizzie está como deve ser. Com a personalidade forte, determinada, irônica e com um plus: matadora de zumbis. Lily James ficou muito bem no papel. Cumpriu muito bem tanto nas cenas de ação, quanto nas cenas com Sam Riley.

Não acho justo comparar Sam Riley ao nosso eterno David Matthew  que deve ser sempre assim: nada supera o primeiro. Mas nosso novo Mr. Darcy cumpriu o papel com maestria. Aquele jeitão arrogante e fechado, aquela cara de quem comeu e não gostou! Hahaha!! Tudo ficou de acordo com o perfil descrito pela Jane Austen. 

Foram mantidos os encontros cheios de tensão. As caras de nojo e as frases preconceituosas do Mr. Darcy conseguem deixar, além de Elizabeth, até as mulheres do cinema furiosas. .

Sr. Collins (Matt Smith) perdeu um pouco o foco e a graça. Mas continua o mesmo idiota! Achei até um pouco mais pateta que o normal. Jane e Bingley também perderam um pouco o foco, mas nem senti falta.

Foi na figura de Lady Catherine (Lena Headey) que eu senti a maior diferença. No original ela já é uma senhora de idade. E aqui é, além de bem mais nova, nada mais nada menos que a mais famosa matadora de zumbis do mundo. Uma personagem Ok!

Não podemos nos esquecer do vilão da história toda, George Wickham (Jack Huston). Tá aí mais um que ficou perfeito no papel. A cara dele já é de vilão, não precisa fazer muita coisa! Eu fiquei desconfiada dele desde o início. Sabia que tinha mais alguma coisa que o envolvia, além do que eu já sabia. E não me decepcionei quando o segredo foi revelado.

Quem assisti à séries ou está acostumado com zumbis pode estranhar um pouco. Achei bem rápida a transformação, mesmo essa só sendo concluída após o zumbi comer um cérebro humano. Enquanto isso não acontece, a pessoa está com a “peste”, mas não é um zumbi completo, podendo até mesmo levar uma vida normal, desde que se alimente de cérebros de animais. Achei esse fato até interessante!


O figurino do filme está belíssimo. Adoro roupas de época! Vestidos lindos que por baixo escondem armas e facas. 

Recomendo para quem gosta da autora e para quem não conhece sua obra. Praticamente impossível não querer ler ou assistir Orgulho e Preconceito após esse filme. 

Não levanta da cadeira que tem cena pós-créditos.


Trailer:


16 comentários

  1. Olá,

    caramba já assistiu? Estou querendo assistir ao filme, deve ser bom. De fato é uma releitura inovadora, achei estranho isso de a transformação ocorrer apenas quando se alimenta do cérebro, então os zumbis tem um buraco na cabeça? Sei lá, estranha essa ideia. No mais quero ver essa horda de zumbis na Inglaterra do século XIX. www.sagaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  2. eu vi o trailer e gostei bastante, mas com relação a releitura, me falaram que é bem fraca e sem propósito, então fiquei cismada de ler... talvez eu fique apenas no filme mesmo...

    ResponderExcluir
  3. Oiii, tudo bem?
    Eu não li ao livro e estou ansiosa para assistir ao filme kkkkkkkkk não sei quando irei ler, mas quero aproveitar muito este filmaço, que realmente parece ser.
    Beijão

    ResponderExcluir
  4. Acho que para quem gosta de zumbi e esse tipo de enredo é um filme bastante peculiar, uma adaptação de outra adaptação que trata de uma tema já bastante trabalhado em livros: Zumbis. Não senti vontade de ler o livro, quanto ao filme, se passar na netflix, assistirei.

    ResponderExcluir
  5. Oiiie
    Muito legal a sua resenha, eu estou bem curiosa pelo filme, quero ler o livro Orgulho e Preconceito e gostei muito do filme original, deve ser uma boa adaptação essa

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá linda,

    Esse filme parece mais aquelas obras cinematográficas/literárias que pegam o nome de algum livro famoso só para ganhar fama e conquistar um público amante da obra referente.

    Não vi nada demais no filme e praticamente duas histórias distintas dentro de um filme.
    Realmente algo surreal e sem cuidado algum, porque zumbis e Jane Austen não tem nada a ver.

    Beijos!
    http://poesiaqueencantavida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Uma das minha professoras da faculdade quis morrer com esse filme, pois Orgulho e Preconceito é o livro preferido dela, e ela diz que esse "e Zumbis" estragou tudo, kkkk.
    Eu não concordo.
    Espero assistir em breve, estou muito curiosa para ver como ficou, mas eu ainda pretendo ler a obra antes.
    Bjs,

    Juliana
    claqueteliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Eu adorei saber que o filme ia ser lançado, não li o livro original, então não vou ficar por dentro de personagens e tal, mas só de ter zumbis. < 3 rsrs
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  9. Hello!

    Estou loucaaaa pra ver o filme!
    Achei bem interessante o enredo de misturar zumbis com um romance de epoca.
    O figurino está maravilhoso como sempre, e as mulheres poderossisimas, hehe.
    Com certeza vou ver.
    Beijos!

    Livros e Sushi • Facebook InstagramTwitter

    ResponderExcluir
  10. Já fiquei com nojo do filme só de ler o que você escreveu... rs... tenho horror de zumbis, essa coisa de comer cérebro humano pra completar a transformação ou cérebro de animal pra viver mesmo com a peste me embrulhou o estômago. Amo Orgulho e Preconceito, mas essa é uma adaptação que farei questão de não conhecer.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  11. Oi, já tava com muita vontade de ler esse livro, imagina ver o filme. Acho que inovaram na história e isso, com certeza, vai levar muitos jovens ao cinema. Mas o importante é conservar a história.

    Http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Olá, a primeira coisa que me veio a cabeça ao saber do lançamento do livro e também da adaptação foi "Esse povo não tem mais o que inventar..."
    Não sei, gosto muito de filmes de zumbi, mas acho que esses são dois temas tão distintos que não estou bem certa se combinam muito. Não tenho muito interesse em conferir.

    Beijokas da Quel ¬¬
    Literaleitura

    ResponderExcluir
  13. Oiee
    Gente que demais não... kkk
    Eu acho que esse filme não faz nada o meu tipo, por isso não o assistiria. Mas cara,que bom que vc curtiu...

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  14. Oie,

    Ahh eu preciso ver esse filme urgentemente e comprar os dois livros o original e a releitura, eu amo tudo que é de época então tenho certeza de vou amar, uma pena na minha cidade não ter cinema e eu não poder assistir ao filme! Não sou muito fã de zumbis hahah!

    Mayla

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Gente,muito interessante esse filme, que bom que a essência de Jane permanece. bom, eu ainda não li "Orgulho e Preconceito" mas quero muito realizar a leitura desse ano não passa. Esse filme parece ser ótimo e estou curiosa, pois adoro filmes com Zumbis e ainda se passando em um filme de época, deve ser muito bom!

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  16. Olá Letícia, tudo bem?

    Eu já havia tentado ler Orgulho e Preconceito e Zumbis, mas infelizmente não consegui levá-la adiante e mal foram lidas 20 páginas. Achei na época bem maçante. Talvez agora, depois de ter terminado a faculdade e entendido muito mais coisas sobre literatura e teoria literária, eu o leia novamente, para então assistir ao filme ^^^

    Beijos

    ResponderExcluir

Oi pessoa leitora, fico muito feliz com sua visita. Não esqueça de deixar um comentário me contando o que achou do post e do blog!

Dicas e opiniões são sempre bem-vindas!

Obrigada pela visita e volte SEMPRE!!