Resenha #31 Sal - Letícia Wierzchowiski

10 março 2016

Título: Sal
Autora: Letícia Wierzchowski
Editora: Intrínseca
Ano: 2013
Páginas: 240
Para saber mais: Skoob
Sinopse: Um farol enlouquecido deixa desamparados os homens do mar que circulam em torno da pequena e isolada ilha de La Duiva. Sob sua luz vacilante, a matriarca da família Godoy reconstitui as cicatrizes do passado. Em sua interminável tapeçaria, Cecília entrelaça as sinas de Ivan, seu marido, e de seus filhos ausentes, elegendo uma cor para cada um.


Foi complicado falar sobre esse livro. Com certeza uma das resenhas que tive mais dificuldade para escrever. O fato de o enredo ter muitos personagens, narradores e muitos acontecimentos e lembranças envolvidas foi um dos fatores. O outro fator foi que não gostei do livro. 


 Sobre o livro

Cecília e Ivan moram em um pico, onde há um farol, em La Duiva, e têm cinco filhos. A narrativa começa com Cecília sozinha no farol. Ivan morreu e cada filho seguiu um destino diferente. O farol está com defeito, não há ninguém para consertá-lo, e Cecília está certa da volta do filho mais moço. Enquanto espera, decide reviver o passado e tecer um tapete, contanto a história da família. Para cada um é escolhida uma cor diferente.  

Enquanto acompanhamos as memórias e as histórias, Flora, filha do meio, narra todos os acontecimentos em volta da família.  Através do livro de Flora, cada personagem terá seu futuro traçado.  O livro chega às mãos de Julius Templeman, Professor de Literatura na universidade de Cambridge. Totalmente abalado pela história, decide ir a La Duiva conhecer Flora. Sua chegada provoca profundas mudanças nos Godoy e nele próprio. Com isso, acompanharemos a trajetória de amor e descoberta de uma família em busca de um final feliz.



Capa  e edição

Capa simples, em tons de cinza. A edição também está bem modesta. O tamanho da letra e o espaçamento estão ótimos. 

A história é divida em 3 partes. Na primeira, temos várias vozes em primeira pessoa. A narrativa principal está em Flora, que nos conta como tudo aconteceu até chegar ao momento atual. Mesclando com os capítulos de Flora, cada integrante da família ganha uma cor correspondente. Com isso, a narrativa de Flora vai se ligando às dos seus irmãos. Além disso, Letícia insere ao longo da narração uma terceira voz. Assim, descobrimos o passado de Cecília, de Ivan e como é a vida de Julius. A Segunda parte é como se fosse um único capítulo. É narrado em 1ª pessoa por Tiberius. Há desde lembranças de sua infância no farol com sua família a detalhes de sua busca por Orpheu. Na terceira parte, voltamos ao modelo de narrativa da primeira. 

Com o total de 48 capítulos, conhecemos a opinião, desejos e sentimentos de cada integrante da família Godoy. No meio disso tudo, encontramos anotações de personagens que flora fez para seu livro. 





 Minha Opinião

Fiquei um pouco confusa com o enredo. Não entendi onde a autora queria chegar. Até achei a premissa boa, as cores e o tapete sendo costurados, mas o desenvolvimento, muito complicado. A escrita da autora é bem desenvolvida. Ela escreve, às vezes, com um toque poético.

Como há muitos personagens, pode ser difícil entender a personalidade de todos. Porém, a autora foi feliz nesse critério. Todos os irmãos são bem diferentes, e conseguimos absorver bem a essência de cada um.  Flora é reclusa e passa a maior parte do tempo lendo e escrevendo. Seu livro terá papel fundamental no futuro da família. Eva é gêmea de flora, porém muito diferente da irmã, extrovertida e namoradora. Adora sol e praia. Lucas, o mais velho, trabalha com o pai no farol; Julieta sofre com alucinações e ataques epilépticos; Orfeu é homossexual e o mais divertido, sabe como aproveitar a vida; e, por fim, Tiberius, o mais novo e misterioso. Com sonhos e premonições, consegue descobrir o futuro. Cecília, uma mãe dedicada, é, em alguns momentos, um pouco perturbada. 

Além dos personagens da Família Godoy, há o professor Julius. Como não poderia ser diferente, ele também tem suas doses de esquisitices. Acompanharemos a evolução de Julius no decorrer da história.  

Um livro diferente, apesar do tema.  Esforcei-me para ir até o final. Entretanto, não gostei do livro. Com certeza, existem muitos fatores positivos, mas, nesse caso, os negativos superaram.

Recomendo a leitura para que vocês tenham uma opinião sobre a obra.




14 comentários

  1. Olá, acho que essa é a primeira resenha que leio do livor. A história me pareceu interessante, mas me pareceu também que há muitos personagens e épocas onde a trama é narrada, só lendo para saber.

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    já vi esse livro diversas vezes nas americanas, nunca animei em comprar, gostei da sua resenha, mas a história, a premissa não me pareceu interessante e pela nota que deu não gostou muito não é? Enredo confuso, desenvolvimento complicado e muitos personagens. www.sagaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi!

    Gostei da sinceridade da sua resenha. Nunca ouvi falar desse livro, mas a sinopse não me chamou a atenção e pela sua opinião, realmente o livro não é lá essas coisas. Uma pena que há mais pontos negativos do que positivos na história.

    ResponderExcluir
  4. Oiii, tudo bem?
    Gostei da sinceridade da sua resenha e da forma que escreveu <3 eu achei a sinopse meio confusa, ou eu não entendi muito bem. Sua resenha conseguiu esclarecer algumas coisas que eu realmente não tinha entendido, o livro infelizmente não me chama a atenção.
    Beijão <3

    ResponderExcluir
  5. A história me pareceu um pouco confusa, nunca tinha visto esse livro e também não me chamou muito atenção. Que bom que você foi sincera na resenha e nos contou como ele realmente é. Bjs

    www.pegueumaxicarablog.com

    ResponderExcluir
  6. Olá!

    Eu tinha esse livro até o começo do ano, mas dei para sorteio por motivos de: também não gostei. A autora confundiu toda a história, acho que ela não soube como conduzir a trama e os personagens. Enfim, minha opinião é parecida com a sua.

    ResponderExcluir
  7. Ooi
    Primeiramente, que blog maravilhosooooo! ❤
    Acho que já vi esse livro antes nas nem sabia sobre o que se tratava.
    Confesso que não chamou minha atenção. Vi que disse ali sobre o excesso de personagens, eu acho muito confuso livros que já começam com muitos personagens, minha mente não processa tantos nomes de uma só vez e acabo odiando tudo.
    Até que gostei da capa, amo cinza e a fonte também está linda na minha opinião.

    Beijoos!
    www.estantemineira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Leticia, acho que já tinha ouvido falar desse livro, mas ele não me chamou atenção em nada.
    Nem capa e nem história despertaram minha atenção, então passo.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  9. Olá! Eu fiquei interessada para ler, mesmo com as ressalvas, MW pareceu uma história emocionante e doce. A capa é bonita, vou adicionar a lista, beijo

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oie
    a capa desse livro é linda mas infelizmente nunca tive muita vontade de ler pois a premissa não me atrai muito, depois da sua resenha ficou feliz que não esteja perdendo nada mais

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. poxa, uma pena a leitura não ter sido legal... eu me sinto péssima quando vou com tanta vontade num livro e ele me decepciona... apesar dos pontos positivos que vc encontrou no livro, eu não me senti tentada a ler... tinha curtido a capa, mas ando fugindo de histórias que soem confusas...
    bjs...

    ResponderExcluir
  12. Que pena que a leitura não te agradou...sei como é duro se forçar para concluir algo a qual você não está gostando, é triste e cansativo! Que as próximas leituras sejam melhores

    Abraços
    Literaleitura

    ResponderExcluir
  13. Eu gostei da capa e fico feliz de ver que você se esforçou para terminar o livro. Eu sou assim também, pode estar péssimo que eu vou até o final para concluir. Às vezes vale a pena como no livro Quem é você, Alasca? mas outras como no seu caso, não valeu.
    Como eu não sou fã de estórias com muitos personagens, não lerei por agora.

    ResponderExcluir
  14. Oi, Leticia, tudo bom?

    Esse livro sempre aparece em promoção, mas eu nunca tinha visto ningém falar dele, por isso nunca me interessei em comprar. Confesso, que ao ler a sua resenha, eu já fiquei meio confuso, então imagino que ficaria ainda mais com a leitura do livro. Não sei, as não me interessei muito pelo enredo. Mas parabéns por ter finalizado a leitura.

    Abraçs,
    http://claqueteliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Oi pessoa leitora, fico muito feliz com sua visita. Não esqueça de deixar um comentário me contando o que achou do post e do blog!

Dicas e opiniões são sempre bem-vindas!

Obrigada pela visita e volte SEMPRE!!