Resenha: Somos Todos Extraordinários - R. J. Palacio

10 dezembro 2017

Título: Somos Todos Extraordinários
Título original: We're all wonders
Autora: R. J. Palacio
Editora: Intrínseca
Ano: 2017
Páginas: 32
Para saber mais: Skoob
Sinopse: Publicada pela primeira vez em 2013, Extraordinário, conta a história de Auggie Pullman, um menino de dez anos com uma grave deformidade facial que começa a frequentar a escola pela primeira vez. Agora em uma edição dedicada às crianças, cuidadosamente pensada e elaborada com a intenção de levar a elas a forte mensagem de inclusão e gentileza que a autora R J Palácio imprimiu à sua obra.



Em Extraordinário, August Pullman é um menino de 10 anos apaixonado por Star Wars. Ele nasceu com uma síndrome genética gravíssima e, desde que nasceu, já passou por 27 cirurgias. Por isso, foi educado pela mãe, em casa, até chegar o momento frequentar o 5º ano do Ensino Fundamental.

No seu primeiro ano colégio, Auggie aprendeu muito sobre as pessoas. Ele enfrentou desde olhares curiosos até perguntas e piadas maldosas. Mas ele também fez amigos, superou medos e transformou pessoas. Agora sua história ganhou uma versão ilustrada para o público infantil. 

Eu sou apaixonada pelo Auggie, por isso quando vi a possibilidade de apresentar esse menino querido e especial para minha filha, não perdi tempo. Nesse livro, a história principal é deixada de lado, mas o objetivo é o mesmo: mostrar que todos somos especiais e diferentes independente da nossa aparência.
  

O livro é curto, é muito didático. As falas são diretas e cheias de significado. As ilustrações estão lindas e bem coloridas, todas feitas pela autora. As imagens chamam atenção pela sua intensidade de significados, sendo através delas que percebemos perfeitamente os sentimentos de Auggie. Além disso, o menino possui no rosto somente um olho, o que destaca bem onde está a sua diferença.

Esse foi um ponto apontado pela minha filha durante a leitura, que primeiramente sentiu pena e depois, quando explicado por mim o porquê de ele ser assim, compreendeu achando que esse fato não era mais relevante e achando que todas as crianças também deviam saber que ele é uma criança que nem elas.

Aqui, R. J. Palacio traz alguns elementos da história original, como o capacete de astronauta e a cachorrinha Daisy. Esses elementos servem para dar um tom mais dramático aos problemas de August, mas também enfatiza sua amizade com a amiga cão e as aventuras que os dois vivem juntos. Adorei matar a saudade de Extraordinário.

Pela voz de Auggie, ela mostra que o exterior não importa, já que todos somos diferentes, e que o nosso interior pode relevar uma pessoa extraordinária, como é o caso do August. Contudo nem todo mundo consegue lidar com diferenças, tento, muitas vezes, atitudes preconceituosas com outras pessoas, e aqui vemos o quão prejudicial pode ser esse tipo de comportamento para quem sofre com ele.



Somos Todos Extraordinários é um convite a empatia e a gentileza, um livro perfeito para o público infantil compreender desde cedo que as diferenças são irrelevantes. Leitura obrigatória para fãs de Extraordinário, para adultos (principalmente nós) e para crianças, pois vivemos em um mundo onde ninguém é igual. 



Nenhum comentário

Postar um comentário

Oi pessoa leitora, fico muito feliz com sua visita. Não esqueça de deixar um comentário me contando o que achou do post e do blog!

Dicas e opiniões são sempre bem-vindas!

Obrigada pela visita e volte SEMPRE!!