Resenha - Anna Kariênina - Liev Tolstói

11 janeiro 2018


Título: Anna Kariênina
Título Original: Ahha Kapehnha
Autor: Liev Tolstói
Editora: Companhia das Letras
Ano: 2017
Páginas: 839
Para saber mais: Skoob
Livro recebido em parceria com a editora
Sinopse: Publicado originalmente em forma de fascículos entre 1875 e 1877, antes de finalmente ganhar corpo de livro em 1877, Anna Kariênina continua a causar espanto. Como pode uma obra de arte se parecer tanto com a vida? Com absoluta maestria, Tolstói conduz o leitor por um salão repleto de música, perfumes, vestidos de renda, num ambiente de imagens vívidas e quase palpáveis que têm como pano de fundo a Rússia czarista. Nessa galeria de personagens excessivamente humanos, ninguém está inteiramente a salvo de julgamento: não há heróis, tampouco fracassados, e sim pessoas complexas, ambíguas, que não se restringem a fórmulas prontas. Religião, família, política e classe social são postas à prova no trágico percurso traçado por uma aristocrata casada que, ao se envolver em um caso extraconjugal, experimenta as virtudes e as agruras de um amor profundamente conflituoso, “feito de sombra e de luz”.




Sobre o livro

O livro Anna Kariênina é um clássico que se passa nos anos de 1800, uma obra grandiosa, que tem em seu tema central o romance extra conjugal entre Anna e o conde Vronsky, que ela conhece quando vai até moscou pra tentar remediar a crise no casamento do seu irmão Stiva e a princesa Dolly. Durante a viagem, entre os compromissos sociais, ela conhece o conde e acaba se apaixonando por ele.

Somos apresentados a costumes e tradições da época em que se passa a história. Tolstói nos mostra personagens fictícios que poderiam muito mesmo serem inspirados em personagens reais. todos os sentimentos que temos e vivemos também são vividos por eles.

O autor aborda dilemas reais de uma maneira brilhante, fica até difícil resumir uma obra tão grandiosa e complexa, aquele pouco espaço entre o amor e ódio presente na relação entre Anna e o seu marido traído, o amor que ele ainda nutre por sua mulher, mas as ambiguidades de não conseguir viver em sociedade sabendo do amor que ela sente por outro. 

As lições implícitas contidas nessa obra são muito interessantes o amor, o ódio, o egoísmo e a capacidade de se reinventar desses personagens me encantaram verdadeiramente.



Minha Opinião

Sempre tive interesse em ler clássicos da literatura estrangeira, e Tolstói é um dos autores do meu interesse. No inicio da leitura, me assustei um pouco com a carga politica e histórica contida na caracterização dos personagens, aos poucos entendi a importância dessa caracterização. 

Conheci uma Anna forte, infiel claro, que viveu uma vida dupla, aquele velho dilema entre o grande amor e as convenções familiares as quais as mulheres eram "obrigadas" a seguir, os casamentos de faixadas. De certa forma, me vi conquistada por toda a luta dessa personagem. 


A coragem que ela tinha para enfrentar as dificuldades que a vida lhe oferecia. A dor e o sofrimento que ela sentia por moralmente não saber se o que está fazendo de sua vida era o certo. Essas dúvidas e esses questionamentos vividos por ela tornaram-na muito mais real para mim.

O contato com vida na Rússia rural me fez reviver vrias memórias, eu vejo as diferenças existente o contexto em que o livro foi escrito e a minha vida que grande parte foi vivida no campo. Em outro contexto, mas não tive como não relacionar.

Fui conquistada pela forma que o autor conta sua história e espero que esse não seja o único dos seus livros que eu venha a ler. Quero continuar conhecendo seu trabalho e espero que me encantando mais ainda com sua forma de escrever.

Todas as famílias felizes são parecidas entre si. As infelizes são infelizes cada uma a sua maneira.


Um comentário

  1. Li Anne Karenina há alguns anos e adorei. Fiquei bem deprê quando acabou.
    Que bom que gostou. Adorei a resenha! Vc já viu alguma adaptação? Tem várias, mas acho que nenhuma (eu vi 2 só) se compara ao livro. Eu tenho preferencia pela de 97, apesar de gostar da de 2015.
    Beijão!

    http://www.cafeidilico.com/

    ResponderExcluir

Oi pessoa leitora, fico muito feliz com sua visita. Não esqueça de deixar um comentário me contando o que achou do post e do blog!

Dicas e opiniões são sempre bem-vindas!

Obrigada pela visita e volte SEMPRE!!