Resenha: Batman: Criaturas da Noite - Marie Lu

28 abril 2018

Título: Batman Criaturas da Noite
Título original: Batman: Nightwalker 
Série: Lendas da DC #2
Autora: Marie Lu
Editora: Arqueiro
Ano: 2018
Páginas: 256
Para saber mais: Skoob
Livro recebido em parceria com a editora.
Sinopse: Bruce Wayne está prestes a completar 18 anos e herdar a fortuna de sua família, além do controle das indústrias Wayne. No entanto, no dia do seu aniversário, ele faz uma escolha impulsiva e é condenado a prestar serviço comunitário no Asilo Arkham, uma mescla de prisão e hospital psiquiátrico onde estão detidos os criminosos mais desequilibrados da cidade. Lá ele conhece Madeleine, integrante das Criaturas da Noite, um grupo radical que deseja acabar com a elite de Gotham. Até então, a moça se recusava a confessar seus crimes ou informar à polícia os futuros ataques que planejavam, mas ela resolve se abrir para Bruce Wayne, dando início a um perigoso jogo de sedução e inteligência.


Batman: Criaturas da noite é o segundo livro da série Lendas da DC e foi escrito por Marie Lu (trilogia Legend e Jovens de Elite). Cada volume dessa série conta a história de um herói da DC e é escrito por um(a) autor(a) diferente. O primeiro livro, Mulher-Maravilha: Sementes de Guerra (resenha aqui), escrito por Leigh Bardugo (trilogia Grisha e duologia Six of Crows) foi publicado ano passado. Os próximos dois livros são: Mulher-Gato, por Sarah J. Maas (série Trono de Vidro e Corte de Espinhos e Rosas); e Superman, por Matt de La Peña.

Sobre o livro

Em sua festa de 18 anos, Bruce Wayne tem uma conversa um pouco desagradável com seu ex-amigo, Richard. Assim Wayne deixa a festa, pega seu carro e resolve dar uma volta pela cidade para relaxar. É nesse passeio que Bruce presencia uma perseguição policial e decide que "ajudar" a polícia indo atrás do fugitivo. Mas após alguns minutos de caçada, um acidente acontece.

Mesmo que tenha ajudado a polícia a pegar fugitivo, o futuro Batman vai ter que responder pelos seus atos. Declarado culpado, ele precisa cumprir a pena de duas semanas fazendo serviço doméstico no Asilo Arkham. E lá uma estranha detenta vai chamar sua atenção. Madeleine, integrante das Criaturas da Noite, um grupo radical que deseja acabar com a elite de Gotham, está a dias presa e até agora ninguém tirou uma palavra dela, mas ela resolve conversar com Bruce. 

Nesse momento a policia vê a chance de pegar as informações que precisa através do garoto, mas para isso ele precisa ser mais esperto que ela e não ser influenciado pelo dom que a integrante das Criaturas tem sobre as palavras.



Minha opinião

Meu herói favorito da DC sempre foi o Batman. Só conheço a história do homem morcego através dos filmes, mas sempre tive interesse em ler sobre ele. Por isso, fiquei muito feliz com essa nova proposta de livros focadas em quatro heróis do universo da DC. A oportunidade de ler algo com o Batman como protagonista é muito bacana.

A primeira coisa que precisamos saber é que o livro vai focar na adolescência de Bruce Wayne. Aqui ele vai estar em pleno início de sua carreira como guardião de Gotham. Quando pensamos em Batman, logo vem à cabeça aquele homem durão e determinado que conhecemos dos filmes, contudo aqui, Marie Lu trabalha muito bem os sentimentos de um adolescente que cresceu sem os pais, com uma fortuna para administrar e que mora em uma cidade violenta. Conseguimos perceber que mesmo quando tem dúvidas sobre o que fazer ele é um menino que vai amadurecer.



Bruce está a poucos dias da sua formatura no colégio e além disso trabalha na empresa deixada pelos pais. Gostei muito de ver essa idade específica de Wayne, pois sempre imaginei ele um adolescente cheio de traumas e sozinho. Mas aqui vemos que ele alegre e com amigos. Outro ponto positivo é que Marie deixou bem claro que o menino sempre foi atormentado pelas lembranças do dia em que os pais morreram, isso sempre foi tópico nos filmes, então não podia ficar de fora.

Madeleine também ganha destaque, pois desde seu primeiro contato com Bruce consegue balançar os sentimentos do garoto. Ela é muito determinada e focada no seu objetivo e faz o futuro Batman pensar muito sobre os pais, a vida, Gotham e o poder de seu dinheiro.

Nunca li nada escrito por Marie Lu antes, mas tenho muita vontade. A escrita dela é rápida e envolvente, a trama bem elaborada por ela só reforça ainda mais meu desejo de conhece outras histórias dela. Além disso, achei que ela soube apresentar bem a adolescência do jovem morcego, mostrando que ele tem valores bem fortes.



A trama central do livro foi bem atrativa e me prendeu, gostei do modo como a história foi conduzida, eu ficava a todo momento esperando quando algo ia dar muito errado. No fim do livro, teve uma cena que eu curti muito, contudo a autora não sustenta a decisão tomada sobre o final de um personagem, dando, logo em seguida, outra solução para ela. Eu torci muito para que isso não acontecesse, mas Marie Lu achou mais fácil seguir pelo lado mais clichê.

Batman: criaturas da noite é ótimo para quem quer ver um lado mais adolescente do Batman, para quem gosta de livros de super-heróis e para quem quer ter um primeiro contato escrito com a história do homem morcego.


2 comentários

  1. Muito bacana essa linha de livros dos personagens da DC, podemos vê-los com outro ângulo, conhecer mais sobre seu passado, o que os levou a serem os grandes super heróis que tanto gostamos. O Batman também é um dos meus preferidos, é bem saber mais sobre ele, pois a fase da adolescência que começamos a fazer nossas escolhas!!

    ResponderExcluir
  2. Parece legal, mas queria ler primeiro o livro da Mulher Maravilha

    ResponderExcluir

Oi pessoa leitora, fico muito feliz com sua visita. Não esqueça de deixar um comentário me contando o que achou do post e do blog!

Dicas e opiniões são sempre bem-vindas!

Obrigada pela visita e volte SEMPRE!!