A História do Universo para Quem Tem Pressa - Colin Stuart

29 janeiro 2019

Título: A História do Universo para Quem Tem Pressa
Título original: The universe in bite-sized chunks
Autor: Colin Stuart
Tradução: Milton Chaves
Editora: Valentina
Ano: 2018
Páginas: 216
Para saber mais: Skoob
Livro recebido em parceria com a editora.
Sinopse: Os grandes mistérios e maravilhas do céu noturno sempre nos fascinaram, intrigaram e divertiram, desde os primeiros passos na Terra. Hoje, continuamos nos esforçando para entender o nosso lugar no cosmos. O século 20 foi palco de importantes e assombrosas descobertas sobre o nosso próprio planeta, o sistema solar, as estrelas e as galáxias. Contudo, ainda buscamos respostas para inúmeras questões – O que é matéria escura? Estamos sozinhos no universo? É possível viajar no tempo? –, e essa busca nos proporciona uma valiosa compreensão da vastidão e das infinitas possibilidades do espaço universal que ainda estamos por descobrir. O universo, considerando-se a sua imensidão, pode ser assustador, mas neste livro de fácil compreensão embarcamos numa viagem incrível através de todas as descobertas astronômicas fundamentais, desde as resultantes de crenças de civilizações antigas até as oriundas de pioneiras e recentes observações das ondas gravitacionais, previstas por Einstein mais de 100 anos atrás.



Eu gosto muito de saber sobre o universo e sobre coisas ligadas a ele, pois sempre fico maravilhada com tudo que existe e em como os grandes cientistas chegaram até suas descobertas. Apesar disso, eu nunca tinha lido nada sobre o assunto e achei uma ótima oportunidade ler A História do Universo para quem tem pressa, pois ele promete em 200 páginas explicar do Big Bang até as mais recentes descobertas de forma didática e simples.

Eu comecei a leitura maravilhada, pois logo na introdução já me confrontei com a ideia de que a gravidade provoca a curvatura do tecido do espaço-tempo. Eu tinha uma ideia sobre como funciona o espaço-tempo, mas nunca tinha entendido completamente. Agora, mesmo achando tudo muito impressionante, eu compreendo bem a ideia da curvatura.

Colin Stuart faz o possível para explicar em detalhes tudo que ele apresenta. Ele usa uma linguagem simples, muitas vezes usando de comparações e exemplos. Tudo é bem resumido, porém bem explicado, senso assim um ótimo material para quem quer ter informações básicas sobre o universo. O livro é dividido em 6 capítulos e em cada um deles o autor explora um tema diferente.


O capítulo A Astronomia em seus primórdios foi o que mais me divertiu. Há uma apresentação de como há mais ou menos 10 mil anos, os seres humanos construíram relógios de pedras para acompanhar os ritmos naturais do céu. Eu fiquei muito impressionada em ver como descobrimos o que está tão longe de nós, como o ciclo lunar, as constelações a passagem do tempo com escassos recursos existentes na época. A partir disso o autor vai apresentando as descobertas aos poucos.

Já em O sol, a Terra e a Lua ficamos sabendo mais sobre cada um deles e como o funcionamento de cada um interfere no do outro. A parte dedicada ao Sol me deixou impressionada. No capítulo O Sistema Solar, cada planeta foi explorado, o autor mostrou os mistérios envolvendo cada um deles. Mais uma vez fiquei surpresa quando o assunto foi o nono e o décimo planetas, que os cientistas acreditam que estão em algum lugar do universo.

Os Capítulos As estrelas e As Galáxias foram os mais difíceis de entender, são tantas informações sobre que nunca tinha escutado falar na vida, que em muitos momentos me perdi. Tive que ler essa parte com mais calma e mesmo assim algumas informações ainda estão além da minha capacidade de entendimento sobre o assunto. Mas fiquei muito feliz em saber que existem tipos de estrelas e que é possível medir a idade delas pelas cores. A Teoria de Tudo ainda é uma loucura para mim!

A parte que encerra o livro, O Universo, é dedicada ao Big Bang, a informações que ainda estamos tentando descobrir e ao Big Rip (o fim de tudo). Essa parte também foi ótima, pois vi que muita coisa ainda é um mistério a ser solucionado.


Nada pode se deslocar no espaço mais rapidamente do que a luz. Essa ideia é um resultado natural da equação E=mc². Quanto mais velozmente um corpo se move, significa que mais energia ele tem. Mas, como a equação nos diz que ganhos de energia significam ganhos de massa, quanto mais rapidamente um corpo se move, mais pesado ele fica. Corpos mais pesados são difíceis de mover, portanto requerem mais energia para aumentar sua velocidade. Porém, quando se movem mais rapidamente, voltam a ficar mais pesados. Com o tempo, um corpo que se move com grande velocidade fica tão pesado que seria necessária uma quantidade infinita de energia para fazê-lo mover-se mais rapidamente. O limite desse aumento é a velocidade da luz.


Durante toda a leitura, há fotos e ilustrações que auxiliam a compreensão do que está sendo explicado. Além disso, conforme avançamos nos assuntos e algumas descobertas são citadas, há minibiografias dos cientistas, como do astrônomo italiano Galileu Galilei, que fez incríveis descobertas com seus telescópios.

A História do Universo para Quem Tem Pressa foi uma leitura prazerosa, que me proporcionou conhecimentos sobre tudo que diz respeito ao Universo. Agora depois da leitura, eu consigo compreender melhor algumas teorias, a intensidade das estrelas, os buracos negros e tantos outros assuntos que dizem respeito ao Universo. Eu recomendo muito essa leitura para quem quer conhecer esse assunto e para quem quer aprofundar seus conhecimentos. Mas prepare-se, pois você vai descobrir que não passamos de poeira espacial.


3 comentários

  1. Esse livro parece ter imagens lindas! Eu também sou fascinada por galáxias, universo.. a história da criação do mundo ;)
    Não imaginava que fosse da editora Valentina

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto bastante da proposta dessa coleção da editora e eu tenho o livro A história da política para quem tem pressa e eu gostei bastante de como eles contam as histórias

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lê!
    Confesso que não sou muito fã de livros de não-ficção, e sinceramente o universo e suas teóricas - Big Bang, espaço-tempo... - nunca foi um assunto que me interessasse, por isso dificilmente eu leria A História do Universo para Quem Tem Pressa... Bjos!

    ResponderExcluir

Oi pessoa leitora, fico muito feliz com sua visita. Não esqueça de deixar um comentário me contando o que achou do post e do blog!

Dicas e opiniões são sempre bem-vindas!

Obrigada pela visita e volte SEMPRE!!